Entrevista com o paisagista Gilberto Elkis

Autor: Adriana Corrêa - Data: 16/09/2005

Aos 18 anos de carreira, Gilberto Elkis se firma com um dos principais nomes do paisagismo brasileiro. Nascido e criado no litoral paulista, o administrador de empresas é um autodidata. Aprendeu o ofício de paisagista observando e investigando as belezas naturais do nosso país. Descobriu a sua vocação depois de render-se a paixão pela natureza, em especial pela Mata Atlântica, onde deu seus primeiros passos rumo à profissionalização. Incansável, fez diversos cursos pelo mundo e, ainda hoje, faz questão de participar de congressos e eventos em diferentes pontos do globo. Recentemente, ele esteve na Escola Japonesa de Paisagismo. Em entrevista para a Revista Digital AuE Soluções, Elkis conta um pouco da sua trajetória, da infância profissional à assinatura de obras nos Estados Unidos, Europa e África, além projetos espalhados por todo o Brasil.


AuE: conte-nos um pouco da sua história. Como se tornou paisagista?
Elkis: Cresci em uma época em que quase não se falava em paisagismo. Meu pai era médico e, por influência da família, acabei cursando administração de empresas no Mackenzie, em São Paulo. Mas sempre me interessei pelo assunto e busquei investigar e conhecer a natureza de forma empírica. Em 1986 fui estagiar nos Estados Unidos e tive a oportunidade de aprender um pouco mais sobre o tema com os principais produtores de plantas e paisagismo da Califórnia, como a Evergreen e a Springtime Growers. Mais tarde decidi me aprofundar nos estudos e realizei inúmeras viagens pelo mundo, dedicadas à pesquisa e ao conhecimento da flora nas mais diversas paisagens do globo.

AuE: Como profissional, o que é indispensável em seus projetos?
Elkis: Nas minhas obras, me preocupo com o uso do jardim, de maneira que ele não se torne apenas contemplativo. Mas além da funcionalidade, busco despertar os cinco sentidos, aguçando as sensações de tato, olfato, paladar, visão e audição. Assim, trabalho com o barulho das águas, o cheiro das ervas, as formas e o volume das criações, dentre outros artifícios. Muitos desses recursos têm ação terapêutica comprovada. Portanto, o importante é criar uma atmosfera de bem-estar no ambiente, utilizando o poder da natureza.

AuE: Costuma seguir tendências no paisagismo? Como imprime o seu estilo pessoal na obra?
Elkis: Prefiro desenvolver novas idéias a partir do que vejo. Procuro sempre inovar de alguma maneira, criar novos desenhos e conceitos que diferenciem a obra. Acabei de voltar do Japão, onde fui explorar um universo bem diferente do nosso, em termos de técnicas, conceitos e vegetação. Estive na Escola Japonesa de Paisagismo, mas não vou reproduzir nada do que vi lá. Minha pretensão é aprimorar meus conhecimentos para conceber outros projetos, cada vez melhor.

AuE: Considera a tecnologia importante para a sua vida profissional?
Elkis: Sim, a tecnologia é importante para acompanhar a evolução dos novos tempos. No caso do paisagismo, proporciona mais conforto e beleza para os usuários. Portanto, utilizo recursos como o AutoLANDSCAPE para melhorar o meu trabalho.

AuE: De que maneira o paisagismo pode contribuir para a qualidade de vida das pessoas?
Elkis: O paisagismo contribui para o bem-estar das pessoas. Na agitação do mundo em que vivemos, a natureza funciona como "antídoto" para combater o stress e uma série de outros distúrbios por ele ocasionados. Por isso, hoje é comum encontrarmos áreas de lazer arborizadas em condomínios fechados, no lugar de antigos playgrounds. Portanto, trabalhar a natureza, valorizando o paisagismo, é uma necessidade, sobretudo nos meios urbanos. É uma forma de compensar o ritmo alucinante a que somos submetidos e aumentar a qualidade de vida dos indivíduos.

AuE: Como avalia o mercado de trabalho atualmente?
Elkis: O mercado de trabalho está em ascensão total. Mas é preciso se manter constantemente atualizado.

AuE: Qual o principal desafio da profissão?
Elkis: O desafio é a harmonia entre o conceito de criação e a satisfação do cliente. Quando alcançamos isso, é possível criar "micromundos", exclusivos e personalizados, que identificam o cliente e levam a natureza para dentro de casa. Nesse sentido, costumo dizer que o paisagismo é o diferencial, inclusive com apelo comercial para a venda de imóveis.

AuE: Fale sobre o seu trabalho atual.
Elkis: No momento estou trabalhando em projetos de condomínios inteligentes em Florianópolis, Santa Catarina, e implementando algumas obras em fazendas e residências pelo Brasil. Mas também tenho projetos residenciais nos Estados Unidos, Suíça e Angola, esta última ainda em fase de finalização.

AuE: Dentre os seus projetos, qual deles merece destaque?
Elkis: Destaco a obra do Hotel Unique, em São Paulo. Na ocasião o cliente me pediu um trabalho ousado e criei uma piscina vermelha. Foi um risco e um desafio muito grande, pois o projeto era muito diferente do que costumávamos ver nesse tipo de edificação. Mas o resultado foi bastante positivo. Não só o proprietário, como também os hóspedes do hotel, aprovaram o projeto. A piscina acabou virando uma atração à parte.ad (AutoLANDSCAPE) e por este motivo nós oferecemos um curso básico de AutoCad, voltado mais para o uso do nosso programa.

O programa AutoCad é produzido pela empresa americana AutoDESK, que tem uma linha completa de programas para desenvolvimento de desenhos, de todo tipo. O seu caso em específico, o AutoCad2000 não atenderá as suas necessidades, será melhor adquirir uma versão mais atual do AutoCad (que no momento está com a 2006 disponível). Ou usar outros programas mais "modernos" como o 3D Max e 3Dstudio, entre outros.


Compartilhar:


Anterior Próximo

Biblioteca gratuita sobre paisagismo.

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



1 - Autor: Assael Jose Pereira - Data: 11/09/2014 23:04:10

Adorei a matéria,achei muito interessante seu trabalho.sou especialista na arte de topiaria. Gostaria de ter uma oportunidade para poder divulgar o meu trabalho,pois amo muito esse trabalho.Caso haja algum interesse deixo o meu telefone: 01513-997904387/ou e-mail:ASSAELJOSE@HOTMAIL.COM


AuE Responde: Prepare uma bela matéria sobre o assunto que publicaremos sim! Mande para comunicacao@auesolucoes.com.br Não esqueça as fotos, ok?



2 - Autor: leonardo nogueira - Data: 19/05/2010 10:44:48

gostaria de adquirir os produtos, como por exemplo photolandscape... obrigado pela atenção



3 - Autor: Assunção Castro - Data: 21/12/2009

Estou precisando do site do Gilberto Elkis e não consigo, alguém poderia me ajuadar?



4 - Autor: Rodrigo - Data: 26/11/2009

Estou querendo o site do Gilberto Elkis, vocês da AuE pode me dizer. Obrigado!



5 - Autor: Soraya Saad - Data: 28/04/2009

Parabéns pela matéria! Gostaria que vocês me informassem como entrar em contato com o escritório do Gilberto Elkis. (telefone, endereço, email e site)
Obrigada,
Soraya



AuE Responde:Você pode contactar o paisagista através do telefone (11) 3815.9537.



6 - Autor: Luiz Bisacchi - Data: 05/03/2009

Gostaria que vocês me informassem como posso entrar em contato com o paisagista Gilberto Elkis (telefone, endereço, site, etc).Agradeço
Luiz



7 - Autor: Willka - Data: 06/01/2009

Estão de parabéns pela matéria.
Gostaria que se fosse possível me enviar o contato ou o site do Gilberto.
Abç



8 - Autor: EDUARDO TAUFICK SULTANI - Data: 27/10/2008

COMO UM BOM PROFISIONAL DA AREA E UM GRANDE AMIGO DE INFANCIA,COM TODO RESPEITO VOCE SOUBE CONSTRUIR A SUA BASE PARA ERGUER SEUS PILARES, AGORA É RESPEITADO POR TODOS E QUE RESPEITA TAMBEM AQUELES QUE QUEREM ENTRAR COMO UM PROFISIONAL E COM SUA EXPERIÊNCIA SAIBA PASSAR O SEUS CONHECIMENTOS PROFISIONAL .UM GRANDE ABRAÇO DE SEU AMIGO EDUARDO TAUFICK SULTANI



9 - Autor: Jorge Fonseca - Data: 22/09/2008

Muito interessante a matéria, só que a maioria dos paisagistas (as estrelas) precisam entender melhor sobre fisiologia vegetal, solo e principalmente sistema radicular. Hoje em dia, faz-se muitos jardins com efeito cinematográfico e/ou montagem e quase não duram. Precisamos de jardins maduros, perenes.



10 - Autor: ramon Araujo - Data: 06/09/2008

Muito bom, sou aluno de arquitetura e gostaria de saber o e-mail de Gilberto Ekis, pois estamos fazendo um trabalho academico sobre sua vida. Desde de joa um muito obrogado




Entrevista
Entrevista com o paisagista Gilberto Elkis
Entrevista com o paisagista Gilberto Elkis

Entrevista com o Paisagista Gilberto Elkis

Dicas Técnicas
Novidades
Carta dos leitores
Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 2 No 15 / Agosto de 2005

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Agenda

Agenda de Eventos de Paisagismo

Conversar no Whatsapp

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*