Entrevista: Paisagista Mauro Spagnhol: 40 anos da Spagnhol Plantas Ornamentais

Autor: Regina Motta - Data: 06/02/2016

Estamos começando este novo ano em alto astral: Falamos com Mauro Spagnhol, engenheiro agrônomo, da Spagnhol Plantas Ornamentais, uma grande empresa familiar, motivo de orgulho para todos nós brasileiros e, especialmente para nós, da AuE Software, que o temos como amigo e cliente de todos os nossos softwares.

Paisagista Mauro Spagnhol


Em 2004 tivemos o prazer de publicar uma entrevista com o fundador da empresa, já usuário do AutoLANDSCAPE: Entrevista com o Paisagista Jades Spagnhol

AuE Paisagismo: Conte-nos um pouco da história da empresa.

Somos uma empresa familiar chamada Spagnhol Plantas Ornamentais, sendo o Sr. Jades José Spagnhol - meu pai - o fundador.

Estamos a, aproximadamente, 40 anos no mercado nacional de paisagismo e comércio de plantas. O Sr. Jades desenvolve projetos de paisagismo desde 1985, quando deu início a empresa executando inúmeros projetos em diversas regiões. Temos quatro Garden Center na nossa região: a matriz, situada em Cordeirópolis, e outras três filiais, em Piracicaba, São Carlos e Itu.

Atualmente, sou sucessor do meu pai na área de paisagismo e lidero uma equipe de dois paisagistas, entre eles uma arquiteta e eu, que sou engenheiro agrônomo. Desenvolvemos e executamos projetos para construtoras e residências.

Além do comércio e paisagismo, somos ainda produtores. Temos, aproximadamente, 47 hectares de produção, que contempla diversas variedades de diferentes plantas. Também administramos nossa própria fábrica de substrato localizada em nossa propriedade. Escoamos estes produtos para o Ceagesp, Ceasa Campinas, para nossas próprias lojas e para outras regiões do Brasil, como Rio de Janeiro e Brasília.

AuE Paisagismo: Em 40 anos de existência da empresa, acreditamos que houve necessidade de muito trabalho e dificuldades para a sua expansão a ponto de se tornar um conglomerado deste porte. Quais as orientações que você pode dar a quem está iniciando agora ou está se sentindo desanimado com a área de plantas ornamentais e paisagismo?

Todo início é difícil. Tem que acreditar e, principalmente, amar o que se faz, buscando novos conhecimentos diariamente, sempre com muita dedicação.

AuE Paisagismo: A escassez de água tem afetado o seu negócio? Como consegue resolver este problema?

Sim, afetou bastante, principalmente a produção. Conseguimos minimizar as perdas investindo em um sistema de irrigação mais eficiente, como o de gotejamento, que otimiza o uso e aplicação de água nas plantas, mas mesmo assim ainda ocorreram perdas. Já no paisagismo, optamos por plantas mais tolerantes ao stress hídrico e menos exigentes a presença de água.

AuE Paisagismo: A previsão de crescimento do mercado de plantas ornamentais no Brasil é sempre positiva, acredita que a crise econômica de hoje pode afetar este desempenho?

É sempre positiva mesmo, mas acredito que a população esteja receosa com o que pode acontecer em 2016. Mesmo assim, estamos otimistas e nos esforçando ao máximo para driblar esta crise econômica. No ano passado tivemos uma queda de aproximadamente 10% nas vendas de varejo, entretanto, no paisagismo, as vendas aumentaram e não tivemos problemas. Acredito que as pessoas começaram a dar mais importância para nossa área, principalmente os clientes que buscam conforto e preservação ambiental e a valorização do imóvel.

AuE Paisagismo: A preocupação com o Meio Ambiente tem crescido muito, em sua opinião isto contribui para a valorização do paisagismo nos projetos imobiliários?

Acredito que sim. A preservação dos recursos naturais é um dos tópicos mais abordados no mundo contemporâneo, o que incentiva as pessoas a buscarem maior interação com o meio ambiente.

Optando pelo paisagismo, elas podem ter este recurso na própria residência, incrementando assim o seu conforto ambiental. De modo geral, o paisagismo agrega muito ao meio ambiente, seja pela diminuição da erosão e atração de pássaros, pelo aumento da umidade do ar e melhor drenagem da água nos terrenos e, principalmente, pela preservação ambiental.

Paisagismo Mauro Spagnhol


Paisagismo Mauro Spagnhol

Paisagismo Mauro Spagnhol


Paisagismo Mauro Spagnhol

Paisagismo Mauro Spagnhol


Paisagismo Mauro Spagnhol

AuE Paisagismo: De que forma a tecnologia dos nossos softwares vem contribuindo para o desempenho dos paisagistas da Spagnhol?

Os softwares são fantásticos. Eles tornam os projetos mais rápidos e dinâmicos, tanto para a criação, como na apresentação final ao cliente. Também é importante ressaltar a biblioteca de informações surpreendentemente completa presente nos softwares.

Eu aprendi a criar projetos de paisagismo com meu pai através do AutoLANDSCAPE, então não imagino como seria desenvolver projetos sem ele. Os softwares da AuE são utilizados na Spagnhol Plantas Ornamentais desde 2002.


AuE Paisagismo: Durante todos estes anos, deve ter variado muito a forma dos projetos de paisagismo não é? Qual a tendência predominante hoje?

As formas de paisagismo variam bastante e, a cada ano, novas variedades são introduzidas no mercado. Na minha opinião, a tendência atual é de projetos mais clean, resistentes à seca e de fácil manutenção.

Neste contexto, enquadram-se os jardins verticais que, além das facilidades do sistema, otimizam os espaços dedicados ao jardim. Aqui na Spagnhol, fizemos uma parceria com a empresa Wallgreen, que desenvolve um sistema inovador de jardim vertical, e até o momento, o resultado tem sido muito satisfatório.

AuE Paisagismo: Dentre os inúmeros projetos da empresa, quais os que lhe deram mais satisfação e orgulho?

Todos os nossos projetos nos deixam bastante orgulhosos, principalmente aqueles que são executados e os clientes ficam muito satisfeitos. Eu acredito que dois projetos ficaram excelentes e tiveram bastante destaque:
O primeiro é o projeto de uma das maiores casas do interior paulista, ficou muito bonito.

Paisagismo Mauro Spagnhol


Paisagismo Mauro Spagnhol

Paisagismo Mauro Spagnhol


Paisagismo Mauro Spagnhol

Veja o Projeto feito com o AutoLANDSCAPE e mais fotos na seção Projetos

E um outro projeto, que será executado no próximo mês, é o projeto de um residencial na cidade de Santa Barbara do Oeste.

 Projeto Residencial AutoLANDSCAPE



Veja também:
* Entrevista com o Paisagista Jades Spagnhol
* Paisagista Marcio Pottratz e o paisagismo de Gramado RS - Parte 1


Compartilhar:


Anterior Próximo

Biblioteca gratuita sobre paisagismo.

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



---
Entrevista
Entrevista: Paisagista Mauro Spagnhol: 40 anos da Spagnhol Plantas Ornamentais
Entrevista: Paisagista Mauro Spagnhol: 40 anos da Spagnhol Plantas Ornamentais

40 anos no mercado nacional de paisagismo e comércio de plantas, quatro garden centers e 47 hectares de produção de plantas

Rose Paisagismo, transformando o ambiente para alegrar as pessoas
Rose Paisagismo, transformando o ambiente para alegrar as pessoas

Respeitar as plantas, primeiramente , pois nos trazem um bem estar muito grande. Projetar com bastante estudo...

Dicas Técnicas
AutoLANDSCAPE 2016: Criação de pranchas e inserção de chaves - parte 4 de 7
AutoLANDSCAPE 2016: Criação de pranchas e inserção de chaves - parte 4 de 7

Veja a quarta etapa do tutorial de desenvolvimento de um projeto paisagístico, passo-a-passo, com o AutoLANDSCAPE 2016

HydroLANDSCAPE 2016: Configurando Layers
HydroLANDSCAPE 2016: Configurando Layers

Veja como fazer a configuração dos layers dos aspersores no HydroLANDSCAPE, o seu programa de irrigação

PhotoLANDSCAPE 2016: Alterando o objeto ou foto sem perder a marcação
PhotoLANDSCAPE 2016: Alterando o objeto ou foto sem perder a marcação

Alterando no PhotoLANDSCAPE 2016 o objeto ou a foto sem perder a marcação do polígono na fotomontagem

Notícias
Academia Rain Bird Salvador
Academia Rain Bird Salvador

Curso de irrigação promovido pela Rain Bird acontece em salvador/BA

Museu no Fundo do Mar, mergulhe para visitá-lo
Museu no Fundo do Mar, mergulhe para visitá-lo

O artista utiliza materiais que respeitam o meio ambiente e foram pensados para mimetizar o entorno

Curso: Roberto Burle Marx, paisagista.
Curso: Roberto Burle Marx, paisagista.

A proposta deste curso é mostrar aos participantes como se constituíram os processos de trabalho de Roberto Burle Marx,

Treinamento Hunter em Recife
Treinamento Hunter em Recife

Veja informações sobre o treinamento em irrigação promovido pela Hunter em Recife, entre 09 e 10 de março de 2016.

Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 12 No 140 / janeiro de 2016

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Agenda

Agenda de Eventos de Paisagismo

Conversar no Whatsapp

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*