Cresce a produção e exportação de rosas no Ceará

Autor: Anita Cid - Data: 03/05/2008

O município de São Benedito, localizado na serra da Ibiapaba no Ceará, vem se destacando na produção de flores. Em sete hectares plantados, uma empresa da região produz rosas vermelhas, brancas, amarelas e multicoloridas. São 20 mil botões por dia. O negócios deu tão certo que a empresa desenvolveu até uma variedade, a rosa iracema.

Não é apenas a produção de rosas do Ceará que vem crescendo, a participação nas exportações também. Em 2007, o Estado foi o maior exportador e continua mantendo a posição este ano. No primeiro bimestre respondeu por quase 60% do faturamento das vendas externas brasileiras de rosas. Crescimento de 30% em relação ao mesmo período de 2007. Na serra da Ibiapaba, hoje estão cultivados 36 hectares de rosas, que a cada ano vem conquistando mais mercado internacional. Só a principal empresa exportadora do Ceará manda todos os meses 540 mil botões cearenses para a Holanda. As rosas com destino a exportação são enviadas de avião. Os cuidados do campo até o embarque são grandes. Em cada etapa, equipes de funcionários se revezam.

O mercado de rosas emprega mais de 500 pessoas na Serra da Ibiapaba, gente que está vendo a vida mudar graças à delicadeza dos botões. Além do Ceará, São Paulo e Minas são importantes produtores de rosa no Brasil.

Fonte: Globo Rural


Compartilhar:


Anterior Próximo

O guia traz diversas dicas para profissionais que desejam se destacar no mercado de paisagismo

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



---
Conversar no Whatsapp

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*