Entrevista: Projetos de iluminação para Paisagismo com Paulo Spina da LUXSIM

Autor: Igor Alves - Data: 18/10/2018

GENTE QUE FAZ: PAULO SPINA da LUXSIM, projetos de iluminação para paisagismo

Paulo Spina

Temos o grande prazer e orgulho de apresentar aos nossos leitores o profissional de iluminação PAULO SPINA da LUXSIM que está presente em vários eventos de paisagismo, contribuindo de forma efetiva para a beleza dos projetos.

Paulo Spina: "Antes de responder a estas perguntas, quero agradecer a abertura deste espaço de divulgação, que conta com um grupo seleto de leitores que realmente participam da construção do paisagismo com qualidade. "

AuE Software: O que despertou seu interesse pela área de iluminação? Como surgiu a LUXSIM?

"A minha ligação com iluminação é muito antiga, faço parte de uma família que atua na área de construção civil desde 1896, meu bisavô veio ao Brasil e trabalhou na construção da estação da Luz em São Paulo e eu, na época com 12 anos, junto com meu avô. Meu avô foi um dos primeiros eletricistas credenciados pela antiga Light e participou de toda a construção do que seria o sistema Cantareira hoje. Meu pai viria ser eletricista também, posteriormente, veio a fabricar motores elétricos para as primeiras geladeiras fabricadas no Brasil, fez Engenharia Civil e passou a construir em São Paulo.

Portanto, desde que nasci convivo com obras, sendo que quem fazia a parte de elétrica e hidráulica das obras do meu pai, era óbvio que eram os filhos já envolvidos até o pescoço com o assunto.
Depois de muitos anos neste meio, aeroporto terminado, o foco mudou e tive a oportunidade de conhecer uma das pessoas mais geniais na área, chama-se Ibero Bobadilha, fundador dos Lustres Bobadilha, a mais antiga loja de lustres do país, situada na rua da Consolação em SP que, infelizmente, encerrou as suas atividades este ano.

Após um período trabalhando na área de desenvolvimento, lá aprendi a beleza e o valor de um bom trabalho na área residencial. Depois da Bobadilha fiquei um curto período fazendo produtos de forma artesanal e montei a Spina Iluminação, onde percebi que o grande problema na iluminação era a área externa, ninguém fazia um material específico e com qualidade para uso em jardim.

Após um breve estudo do que havia de melhor no mundo, lançamos uma linha consagrada para uso em jardim com conceitos do que havia de melhor no mundo. A Spina ficou no mercado por 25 anos até há 10 anos atrás eu perceber que tudo que acumulei de conhecimento com as lâmpadas teria que ser revisto com a chegada dos LEDS. Foi onde senti que ia precisar de uma injeção de capital, que não tinha, além de aprimorar e muito a gestão, para enfrentar a luta que não terminou até agora. Para esta luta foi criada a LUXSIM, onde passei a ficar focado no desenvolvimento do projeto"

Projetos de Paulo Spina



AuE Software: É um trabalho que envolve muita criatividade e tecnologia, não é? O que é levado em consideração ao criar a iluminação de um jardim?

"Realmente envolve muita criatividade e tecnologia, mais que isto, requer sensibilidade e conhecimento da percepção e do comportamento do cliente
Quando você vai fazer um jardim, ele não é para você, ele é para seu cliente, aquilo vai fazer parte da história de vida dele, portanto temos obrigação de saber o que efetivamente é válido para ele".

Projetos de Paulo Spina



AuE Software: Quais as outras áreas que a LUXSIM atende?
Além da fabricação de luminárias de uso externo, também fabricamos modelos especiais para uso interno, estamos criando uma linha escultórica interativa para uso externo. Temos uma linha de uso aeronáutico para atender a helipontos. Damos consultoria na área tanto para Engenheiros e Arquitetos, como para indústria que queira desenvolver produtos.

Temos cursos, in company, de treinamentos para empresas de engenharia, para escritórios de arquitetura e para escritórios de paisagismo, que focam em como proceder com os novos parâmetros de uso de LED. Além de ter um projeto focado em sustentabilidade que está aguardando este magnífico país acordar."

Projetos de Paulo Spina


AuE Software: As peças de iluminação são criadas e executadas pela empresa?

"A parte de criação raramente é elaborada sem a participação do cliente, repito ele é o principal elemento de todo o sentido de nosso trabalho, portanto temos que criar sempre focados nos anseios dele, podemos e devemos orientar para que não cometa deslizes, mas sempre respeitando a história de vida e necessidades de quem nos contrata.

Aí somamos 40 anos de expertise na área, com boa dose de bom senso, analogia ao que existe de belo já feito pelo criador na natureza e o homem, na história da humanidade, e provavelmente irá sair uma luminária interessante."

Projetos de Paulo Spina


AuE Software: Quais as novas tendências na área de iluminação em paisagismo?

"Este questionamento é o mais delicado de nosso agradável diálogo. Recentemente, a pedido de um cliente que desejava construir um espaço preparado para novas tecnologias dos próximos 10 anos, quase tive um colapso quando entrei de cabeça nas pesquisas e vi o que irá ocorrer no mundo nos próximos anos.

Meu relatório concluiu que: visualizamos no máximo 3 anos de evolução, daí para frente o que vai ocorrer é muito difícil de prever em função de diversas variáveis que podem alterar completamente o rumo dos acontecimentos.

Um fato é evidente, temos que ser ecologicamente corretos, priorizar o conforto, mínima manutenção, interatividade com o cliente.
Importante lembrar que os LEDS evoluem em uma velocidade absurda, gerando obsolescência do produto em um período curtíssimo, impedindo inclusive de amortizar os investimentos na fabricação do produto para aquele determinado LED. Exatamente como qualquer material eletrônico de alta tecnologia como celulares, computadores, etc."

Projetos de Paulo Spina



AuE Software: A LUXSIM está presente nos grandes eventos de paisagismo, não é? Conte-nos sobre os eventos em que participou, iluminando jardins de grandes paisagistas.

"Tenho privilégio de aprender com as melhores paisagistas que temos no país, e eles são o elo de ligação com o arquiteto e o cliente final. Portanto, é deles que tenho que extrair todas as informações para que eu faça um bom trabalho. Para isso, o mínimo de qualidade é exigido e requer um bom tempo de convívio, onde minha postura séria possa gerar um elevado grau de confiança.
Posso até deixar de fornecer produtos para alguns, mas não deixo de ser amigo, desconheço qualquer paisagista ou arquiteto que tenha alguma queixa sobre meu trabalho, pode não concordar com algumas limitações de atendimento, mas todos sabem o quanto me empenho para atender as expectativas.

Quanto á eventos, eles são ótimos indicadores de comportamento de mercado, permite que criemos alguns produtos que jamais faríamos para lançar comercialmente, acabando como peça única e, inclusive, nos surpreendendo com o nosso potencial quando analisado por outros grupos de pessoas fora do nosso mundinho.

Mas participei de todas as FiaFlora, inúmeras Casa Cor no país, eventos em Holambra, e tive produtos expostos em um evento na Itália, chamado Brasil faz Design, que foi uma mostra de produtos paralela á Feira de Móbile de Milão e a Eurolucci, um evento bi anual focado em iluminação. Neste evento gerenciei a montagem de todo o espaço para os produtos nacionais, inclusive as alterações para transformar um andar em um prédio histórico no centro de Milão, em uma sala de exposições digna dos participantes que lá expuseram.

Projetos de Paulo Spina



AuE Software: Qual a sua opinião sobre a iluminação com LED?
"Quanto ao futuro do LED, indiscutivelmente já superamos a primeira fase do uso deles de forma inadequada. Hoje já temos LEDS com um custo benefício bem favorável. Atualmente o fluxo luminoso está cada dia mais intenso, a temperatura a ser dissipada cada vez menor, a qualidade cromática cada vez melhor.

Hoje, o uso de lâmpadas convencionais na iluminação doméstica não tem o menor sentido, além de que seu impacto ambiental no descarte é nulo, se devidamente encaminhado, pois não tem componentes tóxicos.
O grande problema são os materiais de baixa qualidade, estes sim atrapalham, e muito, a evolução do mercado nacional de luminárias de qualidade, incluindo minha empresa. Hoje, até para um especialista, está difícil saber o que é bom e o que não é pela simples observação do equipamento.

Hoje, sem um fornecimento confiável, com ISO 9000 e análise criteriosa das condições de uso do LED componente, qualidade ótica com lentes corretas e fonte de alimentação dentro dos parâmetros exigidos, jamais vamos ter uma luminária de qualidade."

Projetos de Paulo Spina


AuE Software: Há mais de 30 anos desenvolvendo luminárias para jardins, residências, condomínios, prédios comerciais, piscinas e produtos especiais, qual dessas áreas lhe desperta mais interesse?

"O que mais me agrada no meu trabalho é surpreender meu cliente, excedendo a expectativa que ele aguardava. E ainda tenho tido sucesso nesta empreitada! O que mais me desagrada, atualmente, é sentir a falta de confiança do cliente nos fornecedores de um modo geral. E entendo perfeitamente esta postura, pois nunca vimos tanta Fake News como hoje. A internet criou uma situação onde deu voz a todos os tipos de indivíduos e está muito difícil saber quem é bom e quem é fake neste universo.

Nos últimos anos, inúmeras empresas tradicionais simplesmente desapareceram, em contrapartida nasceu uma quantidade enorme de novas empresas que questiono qual seria a competência técnica para atuarem.
A grande maioria limita-se a importar materiais do mercado asiático, sem um critério de compra adequado, focado no baixo custo. Importante citar que o que determina qualidade não é a procedência e nem o custo e sim uma série de procedimentos que têm que serem obedecidos criteriosamente para obter um bom resultado. E não me iludo que esta situação venha a melhorar, pois somos um país de poucos recursos e, portanto, o fator custo realmente é relevante.

Não tenho nenhuma pretensão de produção em larga escala de produtos de qualidade para um mercado que não o valoriza. Assim, sinto-me completamente à vontade para manter minha pequena oficina tecnológica com pouquíssimos colaboradores, escolhidos a dedo, o que permite que eu faça um produto de acordo com meus princípios técnicos para atingir resultados surpreendentes."

Veja também

  • Entrevista: Projetos de iluminação para Paisagismo com Paulo Spina da LUXSIM
  • Paisagismo na prática: Como Crescer de forma sustentável
  • Fabíola Breda: Invista em você, o investimento mais seguro é aquele revertido em conhecimento.
  • Conheça mais do trabalho de Gustaaf Winters nesta entrevista exclusiva
  • Os benefícios do paisagismo e os campos de atuação no mercado


    Compartilhar:


    Anterior Próximo

  • Biblioteca gratuita sobre paisagismo.

    Comentar
    Nome:
    E-mail:
    Comentário:
    Avalie está matéria:



    ---
    Entrevista
    Entrevista: Projetos de iluminação para Paisagismo com Paulo Spina da LUXSIM
    Entrevista: Projetos de iluminação para Paisagismo com Paulo Spina da LUXSIM

    Conheça mais sobre projetos de iluminação para paisagismo com o expert da área, Paulo Spina da LUXSIM

    Ensino de paisagismo
    Paisagismo na prática: Como Crescer de forma sustentável
    Paisagismo na prática: Como Crescer de forma sustentável

    Nossa colunista Maria Cândida, este mês nos dá dicas de como crescer no paisagismo de forma sustentável .

    O Segredo da botânica
    O Segredo da botânica

    "A botânica é mais que uma forma de conhecimento; ela fornece o símbolo da inocência perdida na história dos homens"

    Dicas Técnicas
    LandscapeOFFICE2018: Nova opção de Relatórios com foto grande.
    LandscapeOFFICE2018: Nova opção de Relatórios com foto grande.

    Veja como gerar a nova opção de Relatórios com foto grande.

    HydroLANDSCAPE: Substituindo aspersores inseridos no projeto
    HydroLANDSCAPE: Substituindo aspersores inseridos no projeto

    Veja como substituir aspersores já inseridos em seu projeto de irrigação.

    PhotoLANDSCAPE 2018: Como dimensionar modelo 3D
    PhotoLANDSCAPE 2018: Como dimensionar modelo 3D

    Veja como dimensionar a escala e a perspectiva de um objeto 3D no PhotoLANDSCAPE.

    Notícias
    Curso de HydroLANDSCAPE:  Academia Rain Bird acontece este mês em Belo Horizonte
    Curso de HydroLANDSCAPE: Academia Rain Bird acontece este mês em Belo Horizonte

    Curso de HydroLANDSCAPE : AuE Software estará presenta na Academia Rain Bird.

    FILME PAISAGEM: um olhar sobre Burle Marx
    FILME PAISAGEM: um olhar sobre Burle Marx

    Um dos maiores paisagistas do seculo 20, Roberto Burle Max ganhará um documentário onde relatará suas obras, pesquisas e descobertas.

    Ebooks - Biblioteca AuE Software
    Ebooks - Biblioteca AuE Software

    E-books com diversas temáticas sobre paisagismo e o mercado.

    Semana de Arquitetura - SEMEARQ 2018 - Encontre a AuE Software por lá
    Semana de Arquitetura - SEMEARQ 2018 - Encontre a AuE Software por lá

    A AuE Software estará presente na 2ª SEMEARQ (Semana de Engenharias e Arquitetura) do Instituto Metodista Granbery.

    Arquivo
    Edição Anterior

    Revista AuE Paisagismo Ano 15 No 172 / Setembro de 2018

    Conteúdo completo

    Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

    Top 10

    Matérias mais comentadas da revista

    Projetos
    Lista de Projetos

    Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

    Top 10 de Projetos

    Lista com 10 projetos mais comentados

    Agenda
    Agenda

    Agenda de Eventos de Paisagismo

    Conversar no Whatsapp

    X

    Revista gratuita AuE Paisagismo


    Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




    Revista no seu E-mail

    *
    *
    *