Como Miniflorestas Pelo Mundo Promovem Saúde Ambiental e Social

Autor: Giulia Wogel - Data: 05/04/2024

Diante das mudanças ambientais e os altos índices de poluição nas cidades, a criação de florestas comunitárias estão cada vez mais populares, fornecendo sombra, aumentando a biodiversidade e armazenado um pouco de carbono da atmosfera. Entretanto, mesmo que essa nobre iniciativa possa contribuir com o sequestro de carbono e ajudar nas altas temperaturas dos centros urbanos, os grandes desafios causados pelo desiquilíbrio do meio ambiente não serão solucionados apenas dessa forma.

 Minifloresta em Clifton, Karachi. Divulgação Afforest


O método para o plantio das miniflorestas é chamado de Miyawaki, em homenagem ao seu criador, Akira Miyawaki, botânico japonês que, a partir da década de 1970, descobriu uma maneira de regenerar rapidamente florestas em áreas degradadas. Nesse sentido, a técnica consiste em implantar de 3 a 5 mudas por m², fazendo com que elas cresçam rapidamente na sua competindo por luz. Sua eficácia é comprovada por funcionar em qualquer local, independentemente do solo, clima ou espaço (de preferência com um mínimo de 4 metros de largura) e já obteve sucesso em mais de 3 mil florestas espalhadas pelo planeta. Algumas de suas principais vantagens são:

  • Até 30 vezes mais densas comparadas com plantações normais
  • Diminuem 30 vezes mais a poluição sonora e a poeira
  • Até 30 vezes mais eficaz na absorção de CO2 quando comparada com uma monocultura
  • É selvagem, nativa e livre de qualquer manutenção após os primeiros 3 anos
  • Por ser orgânica e autossustentável, não conta com nenhum fertilizante químico
  • Podem ser formadas em menos de um ano, apresentando um crescimento dez vezes mais rápido que o comum cem vezes mais biodiversidade
  • Melhoram a absorção do solo, assim como a qualidade do ar
  • Aumentam a biodiversidade regional, com um maior aparecimento de espécies animais e vegetais

  •  Antes e depois de reflorestamento pelo método de Miyawaki. Divulgação Afforest


    Em 2009, Miyawaki criou uma floresta na fábrica da Toyota na Índia, onde trabalhava o engenheiro Shubhendu Sharma, que se sentiu inspirado pela ideia e abriu sua própria empresa para criar florestas semelhantes, popularizando o método e lançando sua versão do passo a passo para criar uma minifloresta nativa. Desde então, sua empresa, a Afforestt, ajudou a plantar florestas em 44 cidades, além de incentivar várias organizações pelo mundo inteiro, em especial na Europa e Ásia.

    O ponto de partida para cada projeto é o levantamento da vegetação local a fim de identificar as espécies nativas da região. Em seguida vem o passo mais importante: analisar o solo e determinar quais espécies serão usadas. As mudas devem ter no máximo 80 cm de altura e podem ser fertilizadas com adubos orgânicos ou biomassa. Uma minifloresta idealmente possui entre 20 e 40 espécies diferentes de árvores e arbustos com uma área de pelo menos 100m². Já com o crescimento de uma pequena mata, os raios do sol não conseguirão mais alcançar o chão, as gotas da chuva permanecerão por mais tempo no solo e as folhas que caírem serão usadas como adubo natural. Assim, é possível comportar 300 árvores em apenas 6 vagas de carros, com um custo inferior ao de um celular. Ainda, essas áreas menores também podem ser criadas em propriedades privadas, por uma média de 3,5 mil dólares.

     Minifloresta em Arbor Rd Estate, Telangana. Divulgação Afforest


    Como consequência, cada minifloresta sequestrou em 2020 cerca de 127,5 quilos de carbono, o equivalente a florestas com menos de 10 anos nos Países Baixos. Portanto, a previsão é que medida que elas amadurecem, sua capacidade anual será a mesma de florestas holandesas com idades entre 10 e 50 anos, que chega a cerca de 227,5 quilos por ano em uma área comparável a uma minifloresta. Apesar disso, o objetivo principal do projeto é focado no aspecto social, ao conectar pessoas e natureza, em um meio agitado como as cidades. O sequestro de carbono, resfriamento urbano, regulação hídrica, biodiversidade e muitos outros fatores são apenas vantagens que surgem a partir dessa visão.

    Referências

    Por que ‘miniflorestas’ estão surgindo nas grandes cidades. Disponível em: https://www.nationalgeographicbrasil.com/meio-ambiente/2021/06/por-que-miniflorestas-estao-surgindo-nas-grandes-cidades
    Afforest. Disponível em: https://www.afforestt.com/results
    Indiano planta mini florestas ao redor do mundo. Disponível em: https://ciclovivo.com.br/inovacao/inspiracao/indiano-planta-diversas-mini-florestas-ao-redor-do-mundo/

    Veja Também:

    Além do Branco: A Explosão Vegetal e os Esforços de Conservação na Antártida
    O Poder Surpreendente das Plantas Anãs em Pequenos Espaços
    No Limiar da Sobrevivência: O Impacto das Mudanças Climáticas nas Espécies Vegetais


    Compartilhar:


    Anterior Próximo

    AuE LandMANAGER

    Comente esta matéria:
    Nome:
    E-mail:
    4 + 5 = ?
    Digite o seu comentário sobre a matéria:
    Qual a sua avaliação sobre esta matéria ?



    ---
    Entrevista
    Transição de Carreira e o ato de "Espacejar" com o Paisagista André Luis Cenak
    Transição de Carreira e o ato de "Espacejar" com o Paisagista André Luis Cenak

    André se profissionalizou há cerca de 10 anos atrás. É hoje dono da própria empresa, e venceu recentemente o concurso "O jardim mais bonito do Brasil"

    Botânica
    Folhas: As Sentinelas do Ambiente
    Folhas: As Sentinelas do Ambiente

    Explorando o papel das folhas e das plantas bioindicadoras na conservação ambiental e no crescimento sustentável das empresas.

    Ensino de paisagismo
    Demonstrações gratuitas de softwares para Paisagismo e Irrigação em Maio
    Demonstrações gratuitas de softwares para Paisagismo e Irrigação em Maio

    Veja as datas das apresentações de programas para realizar projetos de paisagismo e irrigação em maio de 2024.

    Webinários AuE Software: VisualPLAN - Parte 2
    Webinários AuE Software: VisualPLAN - Parte 2

    Aprenda como fazer um paisagismo residencial em completo em 3D pelo VisualPLAN, utilizando vários recursos do programa em uma videoaula gratuita.

    AuE Network
    Botânica Realista: Coleção de modelos 3Ds para seus projetos
    Botânica Realista: Coleção de modelos 3Ds para seus projetos

    Veja a nova coleção de palmeiras 3D, para uso com o VisualPLAN!

    Plantas - 2024 - Bromélias
    Plantas - 2024 - Bromélias

    Veja a coleção Bromélias disponibilizada para download pela AuESoftware, em Abril de 2024.

    Plantas - 2024 - Filodentros e Anturios
    Plantas - 2024 - Filodentros e Anturios

    Veja a coleção Filodentros e Anturios disponibilizada para download pela AuESoftware, em Abril de 2024.

    Plantas 3D - 2024 - Palmeiras 3
    Plantas 3D - 2024 - Palmeiras 3

    Veja a nova coleção de palmeiras 3D, para uso com o VisualPLAN!

    Dicas Técnicas
    CalcLANDSCAPE 2022: Como cadastrar fornecedores e preços
    CalcLANDSCAPE 2022: Como cadastrar fornecedores e preços

    Cadastre os preços dos produtos comercializados por fornecedores e gere seu orçamento

    PhotoLANDSCAPE: Como alterar a cor de paredes no PhotoLANDSCAPE!
    PhotoLANDSCAPE: Como alterar a cor de paredes no PhotoLANDSCAPE!

    PhotoLANDSCAPE: Como alterar a cor de paredes no PhotoLANDSCAPE!

    VisualPLAN: Aplicação de material em volume
    VisualPLAN: Aplicação de material em volume

    Como aplicar material em volume.

    Novidades
    Inscrições Abertas para o IX Concurso Internacional de PhotoLANDSCAPE
    Inscrições Abertas para o IX Concurso Internacional de PhotoLANDSCAPE

    Estão abertas as inscrições para o concurso de fotomontagem de paisagismo com PhotoLANDSCAPE, uma ótima oportunidade de expor seu trabalho.

    Cores, texturas e formas: A junção de paisagismo e moda no Jardim Botânico de Nova Iorque
    Cores, texturas e formas: A junção de paisagismo e moda no Jardim Botânico de Nova Iorque

    A 21ª edição do "The Orchid Show: Florals in Fashion" está acontecendo dos dias 17 de fevereiro a 21 de abril, no Jardim Botânico de Nova Iorque.

    Notícias
    Mobiliário e Natureza: Como deixar sua área externa mais convidativa
    Mobiliário e Natureza: Como deixar sua área externa mais convidativa

    Ao integrar mobiliários de forma estratégica, é possível criar espaços mais atraentes que promovam relaxamento, bem-estar e interação social.

    Adubo Vivo: Cultivando um Jardim Sustentável com o Bokashi
    Adubo Vivo: Cultivando um Jardim Sustentável com o Bokashi

    O bokashi é um fertilizante orgânico de origem japonesa que tem conquistado espaço nos cuidados com o solo e o paisagismo.

    Como Miniflorestas Pelo Mundo Promovem Saúde Ambiental e Social
    Como Miniflorestas Pelo Mundo Promovem Saúde Ambiental e Social

    Diante das mudanças ambientais e os altos índices de poluição nas cidades, a criação de florestas comunitárias estão cada vez mais populares.

    Arquivo
    Edição Anterior

    Revista AuE Paisagismo Ano 20 No 238 / Março de 2024

    Conteúdo completo

    Lista com todas as Edições da Revista AuE Paisagismo Digit@l

    Top 10

    Matérias mais comentadas da revista

    Projetos
    Agenda
    Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501

    X

    AuE Paisagismo


    Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!





    Revista no seu E-mail

    *
    *
    *
    1 + 7 = ? *