Marcos Malamut fala sobre os benefícios dos projetos para o ser humano e o espaço urbano

Autor: Regina Motta - Data: 01/03/2011

Marcos Malamut é arquiteto e urbanista (FAU-USP/1994), especialista em plantas ornamentais e paisagismo (UFLA/2009). Desenvolve projetos de paisagismo para áreas residenciais, comerciais, industriais e públicas há 15 anos e trabalha com treinamentos para profissionais da área e estudantes há 6 anos. Através da Proflora ministra cursos e workshops intensivos em diversas regiões do país.

AuE Soluções: Fale um pouco sobre você e seu trabalho. O que a levou a escolher esta bela profissão?

Marcos: Sempre tive interesse pela área de paisagismo e quando estava na faculdade de arquitetura pude perceber como esse trabalho pode ser rico. Tive noção naquele momento de sua importância e complexidade. Depois da conclusão do curso tive a oportunidade de me aproximar da área, desenvolvendo projetos. Meu envolvimento foi crescente e hoje, além de desenvolver projetos de paisagismo, também trabalho na área de treinamentos, procurando difundir informação e capacitar profissionais para o mercado.



AuE Soluções: O que você julga essencial na elaboração de um projeto?

Marcos: Para elaborar um projeto é preciso em primeiro lugar ter clareza em suas intenções e objetivos. Parte dessas informações vem de sua capacidade de compreender as necessidades de seu cliente e dos futuros usuários do lugar. Mas é a capacidade de leitura espacial que vai orientar as formas e estratégias necessárias para atingir esses objetivos. É muito importante desenvolver a percepção espacial. 

Além disso é preciso compreender o ambiente físico e a paisagem em que o projeto será inserido. Mesmo em pequenos lotes urbanos essas informações são determinantes para um projeto coerente e bem sucedido. O bom projeto é resultante de seus componentes espaciais, ambientais, culturais e paisagísticos, num sentido mais amplo.

AuE Soluções: Quais ferramentas você utiliza para ajudá-la na elaboração de um projeto?

Marcos: Logo após os croquis iniciais, trabalho sobre uma base em AutoCAD com o software AutoLANDSCAPE, que é usado para o desenho, para quantificação de plantas e insumos e para a elaboração de orçamentos com muita rapidez.



AuE Soluções: Você acredita que o paisagismo tem a possibilidade de melhorar a vida das pessoas?

Marcos: O paisagismo traz não só benefícios individuais como coletivos, indo muito além de seu papel ornamental. Pode reduzir os impactos gerados pela ocupação humana e o desequilíbrio dos sistemas urbanos. Contribui para a redução das temperaturas, para o equilíbrio da umidade do ar, para drenagem das águas pluviais reduzindo as inundações, reduz a poluição sonora e a poeira em suspensão. E isso não é conseguido apenas através de um grande plano urbano. A soma de pequenas intervenções paisagísticas promove a qualidade de vida de seus usuários diretos, e também a da cidade como um todo. Paisagismo melhora o equilíbrio, o conforto,  a eficiência energética e sustentabilidade urbanas quando adequadamente planejado.

AuE Soluções: Como você conheceu a Aue Soluções?

Marcos: Recebi um contato de um representante da Aue e me tornei parceiro há cerca de seis anos. Sou usuário do AutoLANDSCAPE desde sua versão 2002!



AuE Soluções: Qual a sua opinião a respeito do Paisagismo Digital? Em que ele pode ajudar no trabalho do paisagista?

Marcos: Vejo como uma grande iniciativa, que promove o encontro e o intercâmbio de informações entre todos os envolvidos no mercado de paisagismo, sejam produtores, fornecedores, paisagistas ou consumidores finais. E, além de facilitar a localização de fornecedores de produtos e serviços, é ainda uma base rica e confiável de informações, sempre muito útil.

AuE Soluções: Fale-nos sobre um projeto que você tenha curtido fazer!

Marcos: Ao solicitar o paisagismo para seu novo refúgio de praia, essa cliente tinha uma necessidade bastante clara: privacidade. A casa apesar de estar em um lote com boas dimensões tinha seus espaços totalmente visíveis a partir da rua. Além disso, não possuía uma entrada social definida que orientasse e recebesse seus visitantes. Havia ainda a preocupação de que o projeto tivesse uma linguagem particular, com ênfase nas características próprias da região, sem reproduzir fórmulas ou modelos estéticos.



Outro aspecto importante era o ambiental. Inserido em uma área de proteção com vegetação representativa da restinga do litoral norte baiano, o lote impunha uma proposta de paisagismo que respeitasse essa condição. Foram utilizadas no projeto plantas originárias de ambientes compatíveis com a restinga baiana e, sempre que possível, plantas nativas, tendo sido produzidas mais de 2500 mudas exclusivamente para esse jardim.
A implantação do projeto promoveu uma total reconfiguração do espaço pré-existente, em apenas 3 semanas. A concepção proposta organiza e hierarquiza os novos espaços, procurando evidenciar os diversos níveis de privacidade. Assim, apesar de não haver barreiras físicas, o visitante ao avançar para o interior do lote é capaz de identificar a transição entre público, semi-público e privado proposta. 

O elemento articulador do projeto é um percurso sinuoso, calçado com pedras portuguesas, que atravessa todo o lote no sentido longitudinal ligando o acesso pela rua ao acesso de pedestres localizado nos fundos, interrompido apenas pelo deck da piscina. Esse percurso foi desenhado de forma a impedir os eixos de visão originais, que atravessavam o lote. Para garantir a obstrução da visão, o caminho avança entre elevações de solo criadas artificialmente. Essas elevações foram desenhadas de maneira natural, na forma de suaves ondulações, acomodando-se à topografia original do entorno sem se destacarem ou se fazerem percebidas como fora do contexto original.

Como um dos principais objetivos do projeto era impedir a visão do exterior para o interior do lote, um dos maiores riscos seria a sensação de enclausuramento. Para amenizar o problema, os volumes vegetais propostos apresentam reentrâncias e saliências, variações de altura, cores e texturas, o que permite uma sucessão de planos visuais. Essa estratégia permitiu que se garantisse a sensação de abrigo e a proteção a olhares externos, sem promover a sensação de confinamento que uma cerca-viva convencional provocaria.


Compartilhar:


Anterior Próximo

Biblioteca gratuita sobre paisagismo.

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



1 - Autor: jucicleide praxedes - Data: 22/03/2013 18:40:08

Olá!!!!!!!!! Muito boa noite. Tive o prazer de trabalhar ao lado desse mestre, sendo orientada e administrada por ele, sem dúvidas nenhuma é um profissional dedicado e com um respeito muito grande pelo que faz. PARABÉNS!!!!!!!!!!!!! Um forte abraço de sua eterna fã.



2 - Autor: Izanilda Marinho Freire costa - Data: 13/04/2012 15:05:51

Por gentileza gostaria de ser informada sobre ocurso no segundo semestre.
Grata.



3 - Autor: jose anisio almeida de oliveira - Data: 22/04/2011 21:13:11

ja conheco os ensinamentos do proficional, pena que nao concluir o curso que comecei com uma turma ha alguns anos .(curso proflorA)



4 - Autor: Marcos Malamut - Data: 08/04/2011 23:06:36

Obrigado a todos! Nossa programação de cursos para diversas cidades está sempre disponível no http://www.proflora.com.br/site/generica.asp?i=4



5 - Autor: fernando - Data: 07/04/2011 17:25:16

MATERIA MUITO BOA, PARABENS. SOU PAISAGISTA E ESTOU 15 ANOS FORA DA AREA, QUERIA SABER SE VOCES TEM OU CONHECE UM BOM CURSO NA AREA, ESTARIA PENSANDO EM VOLTAR PRA AREA QUE GOSTO TANTO. AGRACECO ,FERNANDO RODRIGUES.



Regina Motta: Veja este curso de pós graduação Lato sensu, pode ser uma boa forma de se reciclar
http://www.paisagismodigital.com.br/Port/Forum_Show.aspx?CodForum=701&CodCat=13&CodGrupo=2



6 - Autor: Oldina mendes - Data: 30/03/2011 13:53:31

O Marcos é muito competente, dedicado, possui sensibilidade e gosta efetivamente de plantas e da natureza humana! Tive o prazer de tê-lo como professor num dos seus cursos. Abraço.



7 - Autor: Neide de M.N.Machado - Data: 20/03/2011 18:04:30

Só tenho que parabenizar a iniciativa do Marcos na entrevista, e do sucesso como um grande profissional. Na entrevista fala com clareza da concepção da forma em seus trabalhos. São bastante graciosos seus projetos, ricos em volumes vegetais mono e cromáticos que valorizam o ambiente, e também utiliza de forma graciosa e funcional os elementos arquitetônicos.

Data: 20/03/2011.



8 - Autor: Carlos Aguiar - Data: 18/03/2011 11:00:13

O Marcos Malamute é um grande paisagista, de sensibilidade e técnica apuradas na inserção dos espaços. Além de tudo ele é um dos mestres com quem tive a oportunidade de conhecer o paisagismo de uma forma além do convencional. Parabéns!




Entrevista
Marcos Malamut fala sobre os benefícios dos projetos para o ser humano e o espaço urbano
Marcos Malamut fala sobre os benefícios dos projetos para o ser humano e o espaço urbano

Entrevista com o arquiteto paisagista Marcos Malamut, onde ele nos fala sobre seu trabalho e a escolha de sua profissão.

Conheça o trabalho da paisagista Mirian Lopes Nakagawa
Dicas Técnicas
AutoLANDSCAPE 2009: Espaçamento Real x Espaçamento pelo Eixo
AutoLANDSCAPE 2009: Espaçamento Real x Espaçamento pelo Eixo

Espaçamento Real x Espaçamento pelo Eixo

PhotoLANDSCAPE 2009: Como criar uma grade com a ferramenta polígono
PhotoLANDSCAPE 2009: Como criar uma grade com a ferramenta polígono

PhotoLANDSCAPE 2009: Como criar uma grade com a ferramenta polígono

Ecologia
Novidades
Paisagens Portuguesas: Anunciamos os ganhadores do concurso
Paisagens Portuguesas: Anunciamos os ganhadores do concurso

A AuE Soluções em parceria com o fórum Land4Us promoveu um concurso de fotografias de paisagens portuguesas.

Notícias
AuE Soluções anuncia horário de carnaval 2011

Veja o horário especial de atendimento da AuE Soluções no Carnaval de 2011

8 de Março - Dia Internacional da Mulher
Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 7 No 81 / Fevereiro de 2011

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Agenda

Agenda de Eventos de Paisagismo

Conversar no Whatsapp

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*