Jardim para ver, cheirar, pegar e mastigar!

Autor: Camila Fonseca - Data: 02/08/2011

quando não é necessário enxergar com os olhos para realmente ver, um mundo de novas possibilidades abre suas portas e convida a todos, sem qualquer exclusão, a entrar e explorar suas manifestações. Testar os sentidos e descobrir novas sensações, renova a capacidade humana de conhecer o inimaginável e aceitar as diferenças.

Jardim Sensorial da UFJF


Primeira fase do projeto do Jardim Sensorial / Imagem: Arquivo UFJF

Foi com este intuito que o Jardim Sensorial, localizado no campus da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), foi criado. De acordo com o Gerente de Paisagismo da UFJF, Reinaldo Chagas, este é um jardim que, além de ser contemplado com tamanha beleza, habilita pessoas que possuem algum tipo de deficiência a também poder conhecer o lugar. "A ideia do jardim sensorial é trabalhar com os sentidos da visão, tato e olfato, principalmente. Assim, teremos um circuito com visitas guiadas para explicar sobre o funcionamento do jardim, onde as pessoas andam no sentido horário e vão testando os sentidos", afirma.

Além das inúmeras espécies de plantas, que serão trocadas com o decorrer do tempo, o jardim possui nesse circuito, quatro tipos de piso: seixo, tora de eucalipto, brita e areia. Para cada piso, existirá uma planta que instigue o olfato e o tato. Para isso, os visitantes deverão entrar vendados e descalços para que cada elemento lhe gere a sensação devida.

Jardim Sensorial UFJF


Segunda etapa do Projeto do Jardim Sensorial / Imagem: Arquivo UFJF


O sentido da visão também será trabalhado no jardim sensorial. Plantas como espada de São Jorge e a rosa branca farão parte do primeiro canteiro para que possam ser vistos logo na entrada, distantes. "Na medida em que a pessoa vai entrando no jardim, ela vai fazendo sua própria descoberta, podem pegar a planta, sentir a textura e o cheiro, e algumas, se forem indicadas pelo guia, podem até ser colocadas na boca, como é o caso da cebolinha", explica o Arquiteto da UFJF Aristides Perobelli.

Todos os elementos que compõem o jardim serão trocados com o aumento do número de visitas. No entanto, aqueles que marcam a entrada, ou seja, os seis portais serão fixos. Os demais materiais para compor o interior do jardim serão reciclados, assim como a troca dos pisos. Passados os canteiros, outro circuito mais ao centro do jardim será realizado pelos visitantes, seguindo um conceito indígena de quatro quadrantes, o Opan. Eles caminharão sob os quatro elementos: fogo (piso aquecido), terra, água (cortina de água) e ar (exaustores). Dessa maneira chegarão até a área da praça para contemplação do jardim.

Jardim Sensorial UFJF


Segunda etapa do projeto do Jardim Sensorial / Imagem: Arquivo UFJF


Todas as visitas deverão ser programadas para pequenos grupos de pessoas, pois este projeto faz parte de um programa de extensão da universidade nas escolas e comunidade entorno. O objetivo do jardim sensorial é apresentar a todas as pessoas como é o mundo visto por outros ângulos e as variadas possibilidades de acessibilidade. Como estas visitas serão guiadas, o jardim não ficará aberto ao público 24 horas por dia. A primeira etapa do projeto já está em funcionamento. Uma segunda fase, que inclui a troca de espécies e reformas na infraestrutura, será executada até o final de 2011.


Compartilhar:


Anterior Próximo

Conceitos Agroecológicos para Jardins Sustentáveis

Comente esta matéria:
Nome:
E-mail:
5 + 4 = ?
Digite o seu comentário sobre a matéria:
Qual a sua avaliação sobre esta matéria ?



1 - Autor: SILVANA DA SILVA - Data: 24/05/2013 08:59:13

Gostaria de saber se na sexta-feira da semana que vem tem possibilidade de visitar, pois eu vou em JF no feriado e tenho muito interesse em conhecer para levar ideias para eu também fazer um jardim sensorial na minha cidade Machado, onde leciono a disciplina de paisagismo e Jardinagem. Aguardo contato Silvana



2 - Autor: Decio Ambrosio-Sítio Cambará - Data: 23/01/2012 11:10:07

Adorei este projeto da UFJF do Jardim Sensorial , que permite aos visitantes sentirem no tato, no cheiro e saborear estas plantas, Parabéns Aristides Perobelli pelo projeto. Como é bom ver coisas bonitas e criativas que envolve o Paisagismo !!!!!!!



3 - Autor: RICARDO CARDOSO BENINI - Data: 15/08/2011 12:13:09

MAGNÍFICO!!!!!!



4 - Autor: Paulo Roberto - Data: 15/08/2011 11:23:09

super legal ótimo trabalho desenvolvido.



5 - Autor: Laide Sertório - Data: 13/08/2011 10:46:33

Excelente , já havia feito um trabalho semelhante na faculdade , baseado na obra de LIGYA CLARK , mas nada como ver o real , o fantastico trabalho realizado por profissionais sensiveis pensando no mundo das pessoas com certas dificuldades, que aliás particulamente , acho que todos deveríamos passar por tal experiência.
Sinceramente, trabalho de caráter excepcional.
Parabéns!!!!



6 - Autor: marcia castilho - Data: 12/08/2011 11:27:38

Adorei a idéia de um jardim sensorial.
Continuem com novas idéias .
Vocês são ótimos!
Marcia.



7 - Autor: Jaime Vieira - Data: 12/08/2011 11:24:19

Sou formador nesta matéria, e dou os meus parabéns a toda a equipa que realizou tão digna obra. Vivo no Norte de Portugal e vou tentar publicitar este belo projeto.
Uma vez mais mais, PARABÉNS!



8 - Autor: Marilda Abreu - Data: 12/08/2011 10:33:32

Adorei
Voce esta de parabens e desse tipo de projeto que se chama uma boa ideia



9 - Autor: Silvia Linhares de Bittencourt - Data: 12/08/2011 00:40:25

Excelente iniciativa. Ótimo projeto!
Exemplo a ser seguido. Trabalho no segmento, e quero parabenizar a todos os profissionais envolvidos no projeto!



10 - Autor: Maria Ione Ferreira - Data: 11/08/2011 19:29:30

Super interessante. Acho que devemos pensar mais nas pessoas que são portadoras de alguma necessidade especial, pois a descoberta feitas por elas é que validam nosso trabalho com paisagista.



11 - Autor: Gilberto - Data: 11/08/2011 12:07:26

Muito interessante, e oportuna, ja visitamos um deste tipo no Parana, tb muito bem elaborada. Parabens.



12 - Autor: DOUNIA - Data: 10/08/2011 14:46:57

BONSOIR
EST CE QUE C EST POSSIBLE DE M ENVOYER EN FRANCAIS?



13 - Autor: DOUNIA - Data: 10/08/2011 14:46:57

BONSOIR
EST CE QUE C EST POSSIBLE DE M ENVOYER EN FRANCAIS?



14 - Autor: Lucas Peron - Data: 09/08/2011 23:20:11

Interessante este projeto apresentado pela UFJF; os proporcionará a oportunidade de sentirmos com todos os sentidos uma natureza que hoje só conseguimos ver através de nossos televisores.
Muito boa a exposição sobre o tema na reportagem, o que nos dá uma verdadeira ideia do que poderemos encontrar neste projeto, criando a expectativa de poder participar e ver, cheirar e sentir.




Entrevista
Estudante de Engenharia Florestal em Portugal desenvolve SIG para jardins de Penafiel
Estudante de Engenharia Florestal em Portugal desenvolve SIG para jardins de Penafiel

Marco Ribeiro fala sobre seu projeto de SIG para os jardins de Penafiel - Portugal.

Botânica
Jardim para ver, cheirar, pegar e mastigar!
Jardim para ver, cheirar, pegar e mastigar!

Como conhecem os jardins as pessoas que não possuem alguns sentidos

AuE Network
PhotoLANDSCAPE: Revisão de Mapas de Plantas - agosto/2011

AuE Network e PhotoLANDSCAPE: Revisão de Mapas de Plantas em agosto de 2011

Dicas Técnicas
AutoLANDSCAPE: Aprenda incluir um novo item com desenho
AutoLANDSCAPE: Aprenda incluir um novo item com desenho

Aprenda passo a passo como fazer a inclusão de um novo item com desenho para utilizar no AutoLANDSCAPE

PhotoLANDSCAPE: Dicas para inserir pisos novos no banco de dados
PhotoLANDSCAPE: Dicas para inserir pisos novos no banco de dados

Veja o passo a passo de como incluir fotos de pisos em perspectiva

Novidades
Dúvidas e reclamações sobre a AuE? Contate o ouvidor!
Dúvidas e reclamações sobre a AuE? Contate o ouvidor!

Agora você tem um canal direto para deixar suas reclamações

Matas ciliares é tema de concurso de fotografia

Saiba como participar do concurso de fotografia que contempla as matas ciliares

Notícias
13º EXPOSIÇÃO DE ORQUÍDEAS EM FRANCA - SP

Conheça as mais belas orquídeas

Cingapura recebe 18 árvores solares para fazer parte do "Gardens by the Bay"
Cingapura recebe 18 árvores solares para fazer parte do "Gardens by the Bay"

18 arvores solares farão parte do acervo de espécies do Jardim Botânico de Cingapura

Parceria promove monitoramento e reflorestamento de córregos no Distrito Federal
Parceria promove monitoramento e reflorestamento de córregos no Distrito Federal

Córrego Crispim será revitalizado através do Projeto Bacias

Saiba como foi a participação da AuE Soluções na Garden Fair 2011
Saiba como foi a participação da AuE Soluções na Garden Fair 2011

Saiba o que aconteceu na Garden Fair 2011 e como foi a atuação da AuE Soluções.

Videogame de conscientização ambiental será lançado
Videogame de conscientização ambiental será lançado

FINEP financia videogame de conscientização ambiental

Homenagem ao aniversário de Roberto Burle Marx
Homenagem ao aniversário de Roberto Burle Marx

4 de agosto é o dia em que nasceu um dos maiores paisagistas do século XX. Conheça sua história.

Ganhe o convite para a 14ª Fiaflora Expogarden e pegue seu brinde no stand da AuE Soluções
Ganhe o convite para a 14ª Fiaflora Expogarden e pegue seu brinde no stand da AuE Soluções

Participe da maior feira do setor de paisagismo do Hemisfério Sul.

Exposição de jardim garante o sucesso de feira no Algarve - Portugal
Exposição de jardim garante o sucesso de feira no Algarve - Portugal

Arquiteto Paisagista expõe jardim mediterrâneo em feira no Algarve - Portugal e ganha a atenção dos visitantes.

AuE Soluções parabeniza a todos os pais pelo seu dia!
AuE Soluções parabeniza a todos os pais pelo seu dia!

Um feliz Dia dos Pais aos leitores da revista AuE Paisagismo

Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 8 No 86 / Julho de 2011

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista AuE Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Agenda
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501

X

AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*