Entrevista com o Paisagista Erick Teles

Autor: Renato Costa - Data: 08/06/2006

Erick de Aquino Teles é paisagista, e está à frente da JT Paisagismo, localizada em Trindade-GO. A empresa começou com seu pai e já tem 35 anos de mercado, com projetos de grande expressão. Erick contou à revista AuE Soluções um pouco sobre a vida de paisagista, os desafios da profissão e os projetos desenvolvidos.

AuE Soluções: Como começou o trabalho da JT Paisagismo?
Eryck: Começou com meu pai, há 35 anos, e estamos atuando principalmente em Goiás, Distrito Federal e Tocantins.

- Quais os maiores desafios da profissão?
- Hoje eu vejo que o principal desafio na área de paisagismo é a normatização da profissão, um reconhecimento da profissão de paisagista. É uma necessidade que atravessamos, a de regulamentar a categoria. Caso contrário, qualquer pessoa inabilitada pode se dizer "paisagista" e isso dificulta o nosso trabalho.

- Quais os trabalhos que você executou e que, na sua opinião, merecem destaque?
- Um projeto muito bom é o da Procuradoria geral da República, que já foi concluído, mas ainda não foi executado. Temos projetos executados na Fazenda É o amor, de Zezé di Camargo e Luciano, na residência do cantor Leonardo e no SESC de Brasília, que também foi um projeto bem interessante, com um resultado excelente.

- Como a tecnologia auxilia no seu trabalho? Quais as ferramentas e funções do AutoLANDSCAPE você destaca?
- A tecnologia otimiza o seu tempo de trabalho de maneira fantástica. O serviço de paisagismo auxiliado por computador é vantajoso para o paisagista e para o cliente. No caso do Auto LANDSCAPE, o fato de ele possuir um banco de dados extenso possibilita mostrar ao cliente o projeto de uma maneira que ele consiga visualizar, além do programa gerar o orçamento de tudo o que está envolvido no projeto. Isso possibilita que nosso trabalho seja feito de modo integrado. A simbologia usada pelo Auto LANDSCAPE também facilita o trabalho, porque cria um padrão nos símbolos, o que sempre foi uma demanda dentro da área de paisagismo, pois não existe esse padrão instituído pela ABAP.


JT Paisagismo


Compartilhar:


Anterior Próximo

eBook: Planta baixa técnica x Planta humanizada em paisagismo

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



1 - Autor: Jorge Fonseca - Data: 04/04/2009

Passamos por sérios problemas em relação aos jardineiros que se dizem paisagistas e trabalham a todo vapor em condomínios, etc. Não conhecem fisiologia, solos, etc. e ainda existem pessoas ricas que moram em condomínios que oferecem trabalhos a esses tipos. Isso é muito sério!




Entrevista
Botânica
Dicas Técnicas
Novidades
Notícias
Carta dos leitores
Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 2 No 24 / Maio de 2006

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Parque Urbano Ibitinga SP

Ulisses Uliana Bething

Praça das Colunas Serra ES

Ulisses Uliana Bething

Parque Capivari

Ulisses Uliana Bething

Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*