Viviane Freitas e a sua atuação na área de Paisagismo

Autor: Letícia Costa - Data: 08/08/2022

Na edição deste mês, conheceremos a paisagista e engenheira agrônoma Viviane Freitas, que atua no paisagismo e em manutenção de áreas verdes. Conheça a sua trajetória e a sua percepção sobre os projetos que envolvem paisagem!

Aue Paisagismo: Qual a sua formação profissional e por qual motivo optou pela profissão de paisagista?
Sou engenheira agrônoma e tive a minha primeira experiência profissional ainda na residência agronômica, tendo contato com o paisagismo. Atuava na manutenção de áreas verdes, onde havia a preocupação contínua de manter o estilo e projeto paisagístico adotado por seu projetista, Fernando Chacel. Entender a importância de se manter tal estilo nas novas criações (novos espaços) me encantou pois foi uma submersão no universo do projetista, assim como entender a forma de criar os espaços e seus objetivos nas criações me fez perceber que a paisagem devidamente pensada aos seus usuários é muito mais que uma ornamentação com plantas, é a percepção da necessidade desses usuários e proporcioná-los uma experiência agradável e confortante, atingindo o objetivo de tal projeto.

Espaço antes do projeto


Foto do projeto



Aue Paisagismo: Como tem sido sua jornada dentro dessa área?
Desde a Residência Agronômica em 2012, atuo no paisagismo ora com criações de novos espaços, ora com a implantação, manutenção e reformulação dos espaços existentes. Hoje quando estou diante de um novo projeto procuro deixar clara a minha intenção, qual o objetivo, mais do que uma planta baixa ou memoriais poderiam dizer, estes são documentos que podem ao tempo se perder, porém a paisagem criada poderá mostrar por si só.

Aue Paisagismo: Como você organiza as etapas do processo de paisagismo?
A elaboração se inicia desde a primeiro contato com o cliente. Em minha metodologia, essa conversa não se faz presente somente na etapa inicial para entender demanda e necessidades, mas em todo decorrer do processo. Após o entendimento das suas necessidades e demandas, faço o levantamento do ambiente do local alvo do projeto, com muita atenção ao mapeamento de sombras, corredores de ventos, enfim, avaliação de todos os elementos presentes no ambiente, sejam físicos ou ambientais. Ainda nessa fase de avaliação do lugar já costumo a idealizar o projeto. Por isso, quando possível, o faço com o cliente e nesse processo já saio desta avaliação com o projeto praticamente definido, apresento o anteprojeto ao cliente para avaliação deste e para qualquer ajuste que se faça necessário e logo que aprovado, prossigo para a elaboração do projeto definitivo.

Espaço antes do projeto; foto do projeto; desenvolvimento do projeto e resultado final



Aue Paisagismo: Como funciona a sua criatividade nesses momentos?
A partir de um bom entendimento das reais necessidades dos que o irão desfrutar, me coloco no lugar destes, de forma que a criação vai surgindo quase que espontaneamente. Tenho em mente sempre o emprego das paletas cromáticas x vegetativa para cada espaço, as texturas e odores que posso relacionar e proporcionar uma nova experiência aos que por ali passarem.

Aue Paisagismo: Para você, como surge um projeto considerado ideal?
A partir de uma escuta apurada e percepção da rotina de seus futuros usuários. Quando você compreende tais necessidades e as traduz para um projeto, é um projeto ideal. Aquele que atende seu publico alvo e proporciona aos mesmos uma nova perspectiva do ambiente.

Espaço antes do projeto


Foto do projeto



Aue Paisagismo: Qual(is) profissional(is) mais te inspirou(raram) nesse ramo?
Como meu primeiro desafio na área foi realizando a manutenção de um projeto de Fernando Chacel, não há como não dizer que é meu maior inspirador, assim como seu orientador Roberto Burle Marx. Ainda nesse hall de inspirações, tive o prazer de aprender a ter o olhar mais apurado ao paisagismo com o hoje amigo e também engenheiro agrônomo paisagista Eduardo Linder, que me introduziu realmente na área e na paixão pela profissão já que ele era meu orientador na empresa em que eu pratiquei a residência agronômica.

Aue Paisagismo: Fale-nos acerca de algum projeto que mudou a vida de um ambiente ou das pessoas que habitam nele, bem como a experiência de criá-lo.
Há um projeto que foi para cenografia de uma minissérie em 2015, sendo ele o primeiro e o mais "louco" que já fiz porque ele foi elaborado in loco, executando. Prestando serviço na empresa de manutenção de áreas verdes eu fico locada no estabelecimento do cliente, então fui chamada para uma visita técnica a princípio para fazer avaliação de uma árvore. No entanto, chegando no local, o diretor da série foi logo falando o que ele queria, tipo, “aqui quero um ambiente tipo Amazônia, ali, uma casa bem anos 20 com seu jardim bem cuidado, horta, pomar e uma área de mata próxima”, eu não entendia o que ele queria, eu olhava e só via um lugar de terra batida e bem seca, nada parecido com a Amazônia. Mas enfim, achava que ele havia se confundido e estava falando com a pessoa errada. Após a reunião, a cenógrafa então me explicou que ele queria que eu fizesse o paisagismo daquele cenário, e as instruções deveriam seguir exatamente o que ele solicitou com o prazo de 30 dias para iniciar as gravações. Não tinha tempo para pensar ou dizer que não faria, tinha que iniciar os trabalhos, então literalmente fui idealizando o que havia me pedido e já implantando e a medida que ia implantando, novos elementos se agregavam ao cenário e novas necessidades eram conhecidas e atendidas. Esse projeto mudou completamente minha percepção quanto a criar, me desafiou e eu consegui atingir o objetivo. Somente depois da série ir ao ar em 2017 foi que eu me dei conta que ali eu havia feito meu primeiro projeto, criei, implantei e realizei a manutenção e desde tê-lo feito eu formei minha metodologia de criação. Então esse projeto, mudou a vida do ambiente e minha vida.

Processo de paisagismo do espaço


Processo de paisagismo do espaço


Processo de paisagismo do espaço


Processo de paisagismo do espaço



Aue Paisagismo: Sabemos que você frequenta várias feiras do ramo de paisagismo. Dito isso, teve alguma delas marcante ou acontecimento que você gostaria de falar sobre?
Sim. O estudo precisa ser constante, acompanhar novas tecnologias e produtos disponíveis no mercado é fundamental para agregar em meu trabalho. A última que estive presente foi a Enflor & Garden Fair em Holambra, após 2 anos de pandemia poder presenciar o retorno deste evento foi gratificante e surpreendente pois o paisagismo ganhou mais espaço com diversas palestras, expositores e profissionais renomados na área paisagística contribuindo e dividindo suas experiências e produtos com os participantes, proporcionando ótimos debates e trocas.

Aue Paisagismo: Qual a importância da inovação nesse mercado e na sua prática?
Todos os profissionais precisam entender que o perfil do cliente está mudando constantemente graças as inovações tecnológicas que nos cercam, então é preciso inovar junto com seu cliente ou com as novas demandas deles. É importante se manter atualizado as inovações, como apresentar os projetos. Hoje é imprescindível que se apresente em perspectiva realista, uma planta baixa em 2D já não atende ao cliente, ele precisa ver o espaço para ter noção mais realista do que se propõe o projeto, então nesta linha é indispensável uma apresentação de fotomontagem mas principalmente em 3D, como a experiência oferecida pelo VisualPLAN. Hoje, quando vou fazer a avaliação in loco, já capturo umas imagens do local e ainda na formação do anteprojeto já mostro ao cliente uma fotomontagem, retratando a síntese do idealizado para o projeto, e isso funciona muito pois o cliente participa do processo de forma ativa, interessado visto que entende o que quero projetar. Na apresentação do anteprojeto, já apresento as imagens em perspectivas 3D que o VisualPLAN me permite criar, tais ferramentas permite a imersão do cliente no projeto, tornando o atendimento diferenciado, fazendo que o cliente se sinta exclusivo, como de fato é.

Aue Paisagismo: Qual a sua expectativa para os próximos anos de trabalho com áreas verdes?
O mercado em ascendência me cria boas expectativas. Com a crescente demanda de projetos hoje, geram demandas de implantação e futuras demandas de manutenção. Eu atuo em todas as etapas, como engenheira agrônoma que sou, particularmente, adoro acompanhar a fase de implantação pois é onde o que foi projetado de fato acontece, não havendo uma boa implantação o projeto pode-se perder a médio prazo e não é isso que desejo quando projeto ou quando implanto um projeto de um colega.
Vejo o mercado aberto para novas parcerias, aliás, acredito na parceria entre os profissionais sempre. Um projeto ideal só alcançará seu objetivo quando bem concebido, implantado e cuidado, então nesse longo caminho, diversos profissionais se somando num objetivo único torna dinâmico o processo, nos tornando mais produtivos e assertivos.

Foto do projeto


Resultado final



Veja também:
O que mudou na evolução do VisualPLAN 2018 para o VisualPLAN 2022?
Vem aí o 4º Concurso Internacional Paisagismo com VisualPLAN
Próximas turmas para cursos AuE Software em Outubro


Compartilhar:


Anterior Próximo

eBook: Planta baixa técnica x Planta humanizada em paisagismo

Comente esta matéria:
Nome:
E-mail:
4 + 4 = ?
Digite o seu comentário sobre a matéria:
Qual a sua avaliação sobre esta matéria ?



---
Entrevista
Viviane Freitas e a sua atuação na área de Paisagismo
Viviane Freitas e a sua atuação na área de Paisagismo

A entrevistada da vez é a paisagista e engenheira agrônoma Viviane Freitas, que iniciou o seu trabalho fazendo manutenção de áreas verdes.

Lançamentos
O que mudou na evolução do VisualPLAN 2018 para o VisualPLAN 2022?
O que mudou na evolução do VisualPLAN 2018 para o VisualPLAN 2022?

Confira as mudanças que aconteceram na versão 2018 para a 2022 do VisualPLAN.

Vem aí o 4º Concurso Internacional Paisagismo com VisualPLAN
Vem aí o 4º Concurso Internacional Paisagismo com VisualPLAN

Venha participar da quarta edição do Concurso Internacional Paisagismo com VisualPLAN!

Botânica
Pragas e doenças que acometem as plantas
Pragas e doenças que acometem as plantas

Confira algumas pragas e doenças que prejudicam o desenvolvimento das plantas.

Ensino de paisagismo
Demonstrações Comerciais Gratuitas AuE Software Agosto de 2022
Demonstrações Comerciais Gratuitas AuE Software Agosto de 2022

Confira quando acontecerão as demonstrações comerciais gratuitas de Agosto! Venha aprender sobre paisagismo e irrigação.

Próximas turmas para cursos AuE Software em Outubro
Próximas turmas para cursos AuE Software em Outubro

Anunciamos a 3ª semana de cursos da Universidade AuE Software, agende-se!

Webinars AuE Software - aprendizagem gratuita
Webinars AuE Software - aprendizagem gratuita

Aprenda paisagismo! Com os Webinários da AuE, além de aprender como funciona nossos programas, você aprende como criar um projeto de paisagismo.

AuE Network
Coleção pisos: Pisoleve
Coleção pisos: Pisoleve

Este mês estamos disponibilizando a coleção de pisos da marca Pisoleve, com 30 pisos diversos para área externa.

Coleção pisos: Ecopex
Coleção pisos: Ecopex

Este mês estamos disponibilizando a coleção de pisos da marca Ecopex, com 30 pisos diversos para área externa.

Dicas Técnicas
Incluindo novo piso: DataManager
Incluindo novo piso: DataManager

Veja a nossa série de dicas técnica deste mês, especial banco de dados! Nessa primeira etapa, vamos te ensinar a cadastrar um piso no DataManager!

Incluindo novo piso: Criando textura
Incluindo novo piso: Criando textura

Veja a nossa série de dicas técnica deste mês, especial banco de dados! Nessa segunda etapa, vamos te ensinar a criar a textura!

Incluindo novo piso: Cadastrando textura
Incluindo novo piso: Cadastrando textura

Veja a nossa série de dicas técnica deste mês, especial banco de dados! Nessa terceira etapa, vamos te ensinar a cadastrar a textura!

Incluindo novo piso: Associando material
Incluindo novo piso: Associando material

Veja a nossa série de dicas técnica deste mês, especial banco de dados! Nessa quarta e última etapa, vamos te ensinar a associar materiais!

Incluindo novo piso: Passo a passo simplificado
Incluindo novo piso: Passo a passo simplificado

Veja a nossa série de dicas técnica deste mês, especial banco de dados! Neste passo a passo geral, vamos mostrar resumidamente como criar um piso.

Notícias
Enxerto de cactos: conheça mais a técnica e suas utilidades
Enxerto de cactos: conheça mais a técnica e suas utilidades

A técnica da enxertia, juntamente com o cultivo dos cactos, tem crescido consideravelmente. Saiba mais do que se trata, assim como os seus usos.

Saiba o que aconteceu na 29ª Enflor e 17ª Garden Fair
Saiba o que aconteceu na 29ª Enflor e 17ª Garden Fair

Fique por dentro do que aconteceu na 29ª edição do Enflor e 17ª Garden Fair, em Holambra, de 17 a 19 de julho de 2022.

Sítio Burle Marx: há um ano sendo reconhecido como Patrimônio Mundial
Sítio Burle Marx: há um ano sendo reconhecido como Patrimônio Mundial

Local em que o paisagista Roberto Burle Marx viveu, em Barra de Guaratiba, foi reconhecido como Patrimônio Mundial no dia 27 de julho de 2021.

39ª Expoflora Holambra 2022
39ª Expoflora Holambra 2022

A 39ª edição da Expoflora vai acontecer no período de 2 a 25 de setembro, especialmente nos dias 7 e 8.

A Feira Internacional de Irrigação Brasil está chegando!
A Feira Internacional de Irrigação Brasil está chegando!

A FiiB 2022 acontecerá no período de 16 a 18 de agosto no Centro de Convenções Royal Palm Hall, em Campinas (SP).

Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 19 No 218 / Julho de 2022

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1045

X

AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*